domingo, 12 de junho de 2011

Poesia para Crianças

E se antes de sair de casa, tomar um gole de poesia?

Bem, a ideia é motivar para a leitura da poesia às crianças. Em muitos dos posts abaixo, vai descobrir o porque desta da paixão. Desde muito pequena, fui acostumada a ouvir e ver poesia, seja lida, seja dramatizada, cantada etc.
Havia poesia por todos os lados, era impossível resistir a seu encanto.

O sonho, era promover estes gestos de brincar e musicar as palavras.
Que bonito é dar espaço para a poesia nas escolas, em casa, na televisão, na rádio...enfim, nos deixarmos embalar por esta bela senhora: A Senhora Poesia.

Nesta terça feira,no programa da RDP- Antena 1, vamos falar de Poesia para Crianças.
Com simplicidade,sem pretenciosismos, lendo alguns dos maiores poetas da língua portuguesa. Com certeza vai faltar alguém...
Queremos motivar a quem nos ouve a repetir o gesto, seria mesmo bonito.

FORMIGAS de Luísa Ducla Soares

Uma formiga de gravata
a matar uma barata.

Uma formiga ao balcão
a vender bolos e pão.

Uma formiga de bicicleta
a pedalar para ser atleta.

Uma formiga a jogar xadrez
com um marinheiro inglês.

Uma formiga fotografando
o rei a fazer contrabando.

Uma formiga de altifalante
o namorar com um elefante.

Uma formiga de bigode
a gritar «Ai, quem me acode!»

Uma formiga de caracóis
na cozinha, a fritar rissóis.

Uma formiga a dar um estalo
num policia a cavalo.

Uma formiga toda nua
a dançar no meio da rua.

Uma formiga cirurgião
a transplantar um coração.

Uma formiga muito sabida
a inventar o insecticida.

Toquinho - O Pato

A Casa

Castelo Rá Tim Bum: A Galinha D'Angola - Vinicius de Moraes

Castelo Rá Tim Bum: Ocorrência - Ferreira Gullar

Castelo Rá Tim Bum: O Relógio - Vinicius de Moraes

Castelo Rá Tim Bum: Trem de Ferro - Manuel Bandeira

Mario Quintana - Dorme ruazinha...é tudo escuro.


Dorme, ruazinha... É tudo escuro...
E os meus passos, quem é que pode ouvi-los?
Dorme o teu sono sossegado e puro,
Com teus lampiões, com teus jardins tranqüilos...

Dorme... Não há ladrões, eu te asseguro...
Nem guardas para acaso persegui-los...
Na noite alta, como sobre um muro,
As estrelinhas cantam como grilos...

O vento está dormindo na calçada,
O vento enovelou-se como um cão...
Dorme, ruazinha... Não há nada...

Só os meus passos... Mas tão leves são
Que até parecem, pela madrugada,
Os da minha futura assombração...

(QUINTANA, Mário. Soneto II. In: ─ . A Rua dos Cataventos; org. Tânia F. Carvalhal. São Paulo: Globo, 2. ed., 2005, pp. 20, “Coleção Mario Quintana”.)

O GIRASSOL de Vinicius de Moraes

Sempre que o sol

Pinta de anil

Todo o céu

O girassol

Fica um gentil

Carrossel.



O girassol é o carrossel das abelhas.



Pretas e vermelhas

Ali ficam elas

Brincando, fedelhas

Nas pétalas amarelas.



— Vamos brincar de carrossel, pessoal?



—  "Roda, roda, carrossel

Roda, roda, rodador

Vai rodando, dando mel

Vai rodando, dando flor".



— Marimbondo não pode ir que é bicho mau!

— Besouro é muito pesado!

— Borboleta tem que fingir de borboleta na

            entrada!

— Dona Cigarra fica tocando seu realejo!



— "Roda,  roda, carrossel

Gira, gira, girassol

Redondinho como o céu

Marelinho como o sol".



E o girassol vai girando dia afora . . .



O girassol é o carrossel das abelhas.

Programa Infantil TVX - Poesias para crianças - Tais

domingo, 5 de junho de 2011

Arteterapia para professores/educadores




Fragmentos de um Workshop de Arte Terapia ministrado pela Arte Terapeuta  Anna Freijomil.
Que bom seria , se os educadores, durante a sua formação universitária recebessem de técnicos habilitados formação em expressão pela ARTE.
O que é observável,é a falta de profissionais competentes a ensinar expressão corporal e dramática, focalizando as aprendizagens apenas para a montagem de um espectáculo.

Mas, falemos de competência e sensibilidade...no vídeo acima, poderá ver os educadores experimentarem com prazer, num modelo vivencial, vários mediadores de expressão.
Aqui, o que se pretende é dar ferramentas para serem dinamizadas em sala de aula que facilitem a expressividade e a comunicação dos alunos.Mas a metodologia exige que o educador experimente para só depois, dinamizar com os seus alunos.

Porque conhecendo e reconhecendo as suas dificuldades perante os desafios propostos,o educador, será mais empático a algumas dificuldades expressivas encontradas nos seus alunos.
Alguns motes são importantes para assegurar o sucesso durante a intervenção:
  • deixar fluir o gesto, o traço e a expressão, eliminando a crítica.
  • pensar que é uma criança e procurar o prazer em fazer e descobrir.
  • ser verdadeiro consigo e deixar-se expressar.
  • aceitar as propostas abertamente.
  • valorizar a participação do grupo e ser receptivo aos outros.
  • manter os níveis de assertividade em alta.

Arteterapia para CRIANÇAS



Coragem, isso é preciso, se desejamos dinamizar espaços onde o brincar seja facilitado a criança.
Neste pequeno video, podemos ver algumas sessões de Arte Terapia, facilitadas na Colômbia, para crianças que vivem num bairro social. Belo, emocionante e pleno em afetos.
Durante a intervenção, vários mediadores artísticos são utilizados:
  • pintura
  • fantoches
  • expressão corporal
  • escrita
  • dramatização
Aqui, vemos crianças livremente à experimentar, para depois falarem dos sentimentos ou significados das suas criações, num processo de desenvolvimento pessoal que lhe facilitará o crescimento saudável.
Arte utilizada como facilitadora da auto expressão, e quem disse que este sonho não é possivel?